Novos Conteúdos / Geopark em Eventos 2014/2015

PNUD - Diálogo sobre o setor extrativo e o desenvolvimento sustentável – Brasília/2014

O evento reúne os setores público, privado e a sociedade civil para debater as formas de ampliação da atuação do setor extrativo em relação aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Melhorar a compreensão de como o setor extrativo pode contribuir para a realização das principais prioridades do desenvolvimento, articuladas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Este é o principal objetivo do evento Diálogo sobre o setor extrativo e o desenvolvimento sustentável: fortalecendo a cooperação público-privado no contexto da Agenda Pós-2015, que será realizado entre os dias 3 e 5 de dezembro, no hotel Royal Tulip, em Brasília (DF).

Participam do evento representantes de todo o mundo de empresas de petróleo, gás e mineração; associações de representações de indústrias; representantes de governos; da ONU; de instituições financeiras; organismos internacionais; universidades e instituições de direitos humanos. Os participantes irão analisar como os setores público e privado, a sociedade civil e as populações afetadas pelas Indústrias Extrativas podem colaborar, efetivamente, para ampliar a atuação social sobre o desenvolvimento local e mundial.

De acordo com Maristela Baioni, coordenadora de programa do PNUD, “o evento pretende construir um consenso, uma visão coletiva entre governos, setor das indústrias extrativas e a sociedade civil para que haja uma proposta clara da atuação das indústrias extrativas no contexto da Agenda pós-2015”, afirmou.

Maristela ressalta a importância da abordagem de alguns temas durante o evento como o crescimento local, a geração de empregos, a preservação do meio ambiente, as prestações de serviços sociais, os direitos humanos e a inclusão social. “No final deste Diálogo, os participantes dos três setores deverão formar uma rede para troca de informações e monitoramento dos compromissos firmados durante o encontro”, explicou.

Veja o vídeo de Maristela sobre o evento na íntegra:

Todas as informações sobre o evento poderão ser adquiridas no hotsite www.extractivedialogue.com e por meio das redes sociais usando a hashtag #Extractives4Dev.

O PNUD, a Indústria Extrativa e a Agenda Pós-2015

O número de países que dependem de petróleo, gás e minerais para seu desenvolvimento econômico e social aumentou significativamente na última década. À medida que cresce a população mundial e a industrialização, o desenvolvimento econômico se acelera principalmente nos países emergentes. Com a perspectiva de que a demanda global por metais e hidrocarbonetos continuará a crescer, torna-se inevitável o desenvolvimento de novos projetos de mineração e extração de petróleo e gás.

Recentemente, o PNUD adotou uma estratégia para o setor e desenvolveu novas iniciativas globais e regionais visando apoiar os países que possuem indústrias extrativas, para aumentarem o impacto positivo do setor sobre o desenvolvimento sustentável. Assista ao vídeo sobre o tema, em português.

Uma das formas de se conseguir esse impacto é trabalhando com base na Agenda Pós-2015, os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). O recente Painel de Alto Nível das Nações Unidas destacou os diversos papéis importantes que o setor privado deve desempenhar, contribuindo para o crescimento inclusivo, a geração de empregos e a sustentabilidade ambiental, temas que serão tratados durante o evento e que impactam diretamente os negócios das Indústrias Extrativistas.

Em maio deste ano, durante a Arena de Participação Social, em Brasília, o PNUD Brasil também realizou diversas oficinas sobre desenvolvimento e, dentre elas, uma sobre Desenvolvimento Local e Indústrias Extrativas que contou com a coordenação da oficial de programa do PNUD, Ieva Lazareviciute, e a participação de representantes de várias empresas do setor no país que compartilharam suas experiências focadas no desenvolvimento comunitário.

Fonte: pnud.org.br